25 de jul de 2011

Prevenção de tártaro em Shih Tzu , Maltês , Torkshire , e demais raças.

Estar atento à saúde bucal do pet é uma dica valiosa para saber se há algo errado com a dentição do animal. Fazê-lo abrir a boca e observar a coloração da língua, que deve ser vermelho vivo, e dos dentes pode dar pistas valiosas sobre a higienização bucal, ressalta a especialista. “A atenção do dono é indispensável para que um problema de tártaro, por exemplo, seja tratado a tempo e não evolua para uma gengivite”.
a prevenção do tártaro exige a escovação dos dentes dos animais diariamente ou pelo menos quatro vezes por semana. “O mais importante na escovação é o atrito provocado pela escova. É importante realizar esse procedimento sem causar estresse, o que pode ser feito assimilando algo de bom como o fornecimento de petiscos funcionais que auxiliam no controle do tártaro e, por consequência, do mau hálito”.
Ainda não existe tratamento definitivo para o problema do tártaro e das placas bacterianas. Daí a importância de uma boa prevenção e higienização bucal do pet. O acompanhamento médico veterinário também é recomendado para diagnosticar eventuais problemas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.